SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE DE PIRACICABA

PAD receberá veiculo doado pelo Ministério Público

6 de Fevereiro de 2019 • Leandro Bollis

O PAD (Programa de Assistência Domiciliar) da Secretaria Municipal de Saúde irá receber nas próximas semanas um veículo zero quilômetro, por meio de um Termo de Cooperação assinado entre Prefeitura de Piracicaba e Ministério Público do Trabalho (MPT) – Procuradoria Regional do Trabalho da 15ª Região de Campinas.

Em fase final de aquisição, o veículo será usado pelo equipe multidisciplinar do PAD no acompanhamento residencial e cuidado de pacientes que precisam de serviços de enfermagem, visitas médicas, fisioterapia motora/respiratória, orientação nutricional, suporte psicológico, imunização, entre outros.

De acordo com a coordenadora do Cerest (Centro de Referência em Saúde do Trabalhador), Clarice Aparecida Bragantini, o Termo de Cooperação existe desde novembro de 2007. Ela explica que “dentre várias atribuições do termo consta que compete a Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Cerest, prestar assistência técnica ao MPT, por meio de perícias, pareceres ou informações em casos específicos de interesse comum, bem como autorizar que seus funcionários oficiem como assistentes técnicos (eventualmente como peritos judiciais), tanto em medidas preparatórias como em medidas judiciais cabíveis em casos que envolvam agravos e/ou riscos á saúde do trabalhador e moléstias ocupacionais decorrentes do ambiente e/ou das condições do trabalho, seja no meio urbano, seja no meio rural”.

Sendo assim, segundo ela, quando ocorrem multas, o MPT tem beneficiado o município com doações de equipamentos de informática, carros, equipamentos específicos destinados ao treinamento dos profissionais do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e Emergência), sempre visando um melhor atendimento para a população. “O Cerest, PAD, Vigilância Santinária e outros setores também são beneficiados através das multas aplicadas pelo MPT, e isso ocorre para que os setores possam atuar cada vez melhor, sempre visando uma prestação de serviço de qualidade à população de Piracicaba”, ressaltou Clarice.

Na semana passada, por exemplo, o SAMU recebeu um novo equipamento para treinamento, por meio do Termo de Cooperação. “Recebemos um monitor de paciente para composição do simulador para treinamento da nossa equipe em suporte avançado”, explicou Maria Carolina de Aguiar Trigueirinho, coordenadora de enfermagem do SAMU e do NEU (Núcleo de Educação em Urgência).

PROGRAMA DE ASSISTÊNCIA DOMICILIAR 

O objetivo do PAD é atender pessoas que estão acamadas e impossibilitadas de acessar serviços como a fisioterapia. Com a sede própria, o número de atendimentos também deverá ser ampliado.

Para que o programa possa aumentar os atendimentos em domicílio é sempre necessária a aquisição de mais veículos para comportar nossa equipe, além de materiais e insumos que serão utilizados durante os atendimentos”, explicou Lúcia Helena de Campos Novello, coordenadora do PAD.

Atualmente, 81,47% dos usuários atendidos pelo PAD são idosos, sendo 30% com idade entre 80 a 89 anos e 15,75% com idade igual a superior a 90 anos. Para receber os serviços do PAD, o paciente precisa estar acamado, ter cuidador responsável e residir na região urbana de Piracicaba (com exceção dos bairros compreendidos pelas estratégias do Programa Saúde da Família). O PAD atende de segunda a domingo, das 7 às 19 horas, sendo que o cadastro é feito de segunda a sexta-feira, das 7 ao meio-dia.

O PAD fica na Avenida Piracicamirim, 3139 – Piracicamirim. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3402-1762.

‹ voltar